Produtos

Tasigna 200 Mg -112 Comprimidos

Tasigna 200 Mg -112 Comprimidos

Laboratório: Novartis

R$ 22.500,00

Principio Ativo: Nilotinibe

Apresentação: Embalagem com 112 cápsulas de 200 mg 

Descrição


TASIGNA®





nilotinibe

 

Forma farmacêutica, via de administração e apresentação

Cápsulas – via oral.

Embalagem com 112 cápsulas de 200 mg.

USO ADULTO

Composição

Cada cápsula de Tasigna contém 220,60 mg de cloridrato de nilotinibe monoidratado, equivalente a 200 mg de nilotinibe.

Excipientes: lactose monoidratada, crospovidona, poloxaleno 188, dióxido de silício, estearato de magnésio.

Componentes da cápsula: gelatina, dióxido de titânio, óxido de ferro amarelo.

INFORMAÇÕES AO PACIENTE

Como este medicamento funciona?

Em pacientes com leucemia mieloide crônica (LMC), uma alteração no DNA (material genético) desencadeia um sinal que faz com que o corpo produza glóbulos brancos anormais (células leucêmicas). Tasigna bloqueia este sinal e, então, interrompe a produção destas células.

Por que este medicamento foi indicado?

Tasigna é indicado para tratar um tipo de leucemia chamada leucemia mieloide crônica cromossomo Philadelphia positivo (LMC Ph-positivo). A LMC é um câncer no sangue que faz com que o corpo produza muitas células leucêmicas.

Tasigna é indicado para tratar pacientes com LMC que não obtiveram benefícios com o tratamento prévio com imatinibe (Glivec). É utilizado, também, em pacientes que tiveram reações adversas sérias com o imatinibe e não podem continuar a tomá-lo.

Quando não devo usar este medicamento?

Contraindicações

Tasigna é contraindicado em pacientes com alergia ao nilotinibe ou a qualquer outro ingrediente do Tasigna. Neste caso, avise seu médico antes de iniciar o tratamento com Tasigna.

Se você achar que pode ser alérgico, avise seu médico antes de iniciar o tratamento com Tasigna.

Tome especial cuidado com Tasigna se você:

•tiver algum problema no coração ou no ritmo do coração, tais como batimentos cardíacos irregulares ou um sinal elétrico anormal chamado de “prolongamento do intervalo QT”;

•estiver sendo tratado com medicamentos que afetam os batimentos cardíacos (antiarrítmicos) ou medicamentos que podem ter efeito indesejável na função do coração (prolongamento do intervalo QT) (ver em “Interações medicamentosas”);

•estiver sendo tratado com medicamentos que afetam o fígado (ver em “Interações medicamentosas”);

•tiver deficiência de potássio ou magnésio;

•tiver algum problema no fígado;

•teve pancreatite (inflamação no pâncreas);

•sofreu um procedimento cirúrgico envolvendo a remoção do estômago (gastrectomia total).

Se algum destes casos for aplicável, avise seu médico antes de tomar Tasigna.





Durante o tratamento com Tasigna

Avise seu médico imediatamente, ou assim que possíve

l, se você desmaiar (perder a consciência) ou tiver batimentos cardíacos irregulares enquanto estiver tomando Tasigna. Isto pode ocorrer devido a uma complicação cardíaca grave. Casos incomuns (entre 1 paciente a cada 1000 e menos de 1 paciente a cada 100) de morte súbita foram relatados em pacientes recebendo Tasigna. O prolongamento do intervalo QT ou o batimento cardíaco irregular pode levar a morte súbita.

Advertências

Não ingerir Tasigna com alimentos.

Tomar as cápsulas pelo menos duas horas após a ingestão de qualquer alimento e, após tomá-las, esperar pelo menos uma hora para se alimentar novamente. Para maiores informações veja o it em “Como devo utilizar este medicamento ?”.

Tomar Tasigna com alimentos pode aumentar a quantidade de Tasigna no sangue, o que pode ser prejudicial.

Não comer ou beber produtos e sucos contendo grapefruit (toranja), carambola, romã, laranjas de Seville e outras frutas similares a qualquer momento durante o tratamento, pois podem aumentar a quantidade de Tasigna no sangue, o que pode ser prejudicial. Se tiver dúvidas, consulte seu médico.

Se você tiver dificuldades para engolir cápsulas, você pode misturar o conteúdo de cada cápsula em uma colher de sopa de suco de maçã e tome a mistura imediatamente. Para mais informações, veja o item “Como devo utilizar este medicamento?”.

Gravidez

Tasigna não é recomendado durante a gravidez a menos que seja claramente necessário. Se você estiver grávida ou pensa que possa estar, avise seu médico antes de tomar Tasigna. Seu médico irá discutir com você se você poderá tomar Tasigna durante a gravidez.

As mulheres com potencial para engravidar devem utilizar um método contraceptivo eficaz durante o tratamento com Tasigna.

Lactação

Você não deve tomar Tasigna se estiver amamentando, isto pode ser prejudicial para seu filho.

Avise seu médico se você estiver amamentando.

Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.

Informe imediatamente seu médico em caso de suspeita de gravidez.

Precauções

Tasigna contém lactose. Se você tem intolerância à lactose informe ao seu médico antes de tomar o Tasigna.

Monitorando seu tratamento com Tasigna

Você deve fazer exames regulares, incluindo exames de sangue, durante o tratamento com Tasigna. Estes exames permitirão a monitorização da quantidade de células sanguíneas (glóbulos brancos, glóbulos vermelhos e plaquetas) do seu corpo e a função do pâncreas e do fígado para verificar como Tasigna é tolerado. Exames de sangue também avaliarão os eletrólitos do seu sangue (potássio e magnésio); estes eletrólitos são importantes no funcionamento do seu coração. Sua frequência cardíaca também será checada usando uma máquina que mede a atividade elétrica do coração (um exame chamado eletrocardiograma – “ECG”).

Se você tem dúvidas sobre como Tasigna funciona ou por que este medicamento foi prescrito para você, pergunte ao seu médico.







 

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência, de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.